Destaques

Estudo analisou o perfil dos partos no Brasil/ Imagem: Fotolia

O processo de decisão pelo tipo de parto no Brasil

Por Gabriela Lamarca e Mario Vettore

19/03/15 | 15:03

Dando continuidade a série sobre a pesquisa “Nascer no Brasil”, publicamos hoje matéria sobre a decisão no tipo de parto. Não é a primeira vez que o nosso Portal traz à tona a discussão sobre a decisão pelo tipo de parto no Brasil (Cesarianas no Brasil: uma preferência das gestantes ou dos médicos?). No entanto, o retorno à essa discussão de forma mais aprofundada é necessária devido às publicações oriundas de um estudo nacional de base hospitalar, ‘Nascer no Brasil’, realizado sob a coordenação de pesquisadores da Fiocruz. Em uma das publicações são analisados os fatores relacionados a preferência pelo tipo de parto no início da gestação, reconstruindo o processo de decisão de 23.940 puérperas brasileiras à via de parto final.

[Leia Mais] |

Roda de Conversa na ENSP debate Determinantes Sociais da Saúde

Por Patrícia Tavares Ribeiro e Pedro Gilberto Lima

12/03/15 | 14:03

A ENSP, através do Centro de Estudos Políticas e Informações sobre DSS (CEPI/DSS/ENSP), realizou no dia três de março, como parte das atividades de programação 2015/2016, sua 2ª reunião técnico-científica sobre Determinantes Sociais da Saúde, com a participação de representantes da OPAS-Brasil e do Ministério da Saúde, para formulação de uma agenda conjunta. Este encontro deu continuidade aos debates iniciados no fim do ano passado, a respeito da temática dos DSS. Em 12 de novembro passado, a Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca promoveu uma Roda de Conversa intitulada: O que pensamos sobre … Determinantes Sociais?. Evento iniciou os debates que tiveram continuidade neste mês.

[Leia Mais] |

nascer

O inquérito “Nascer” e a situação dos partos no Brasil

Por Jaqueline Pimentel    

06/03/15 | 12:03

No mês em que é comemorado o Dia Internacional da Mulher o portal DSS Brasil dá início a publicação da série sobre a pesquisa “Nascer no Brasil”, um importante estudo sobre a realidade das gestantes e puérperas no país e o maior já feito sobre o tema no Brasil. Esta pesquisa foi realizada nos anos de 2011 e 2012, analisando a situação de cerca de 23.940 mulheres, que foram ouvidas em maternidades que prestavam serviços mistos, públicos e privados. De acordo com o inquérito, 52% deste total de mulheres passou por cesarianas, sendo 46% no setor público.
No total foram pesquisados 266 hospitais, que atenderam acima dos 500 partos por ano, em 191 municípios brasileiros.

[Leia Mais] |